,3 Ensaios Sobre Autoficção – Documento Inconfessáveis

Por Mariela Lamberti, Felipe Salarolli e Marcelo Varzea Ator, autor e diretor. Investigador e pesquisador do nosso teatro. Marcelo Varzea Inconfessáveis, obra símbolo para o período pandêmico, para além da realização de um formato inesperado, deixa em nosso teatro uma outra marca. A Autoficção enquanto produto capaz de aproximar os e as artistas de uma… Continue lendo ,3 Ensaios Sobre Autoficção – Documento Inconfessáveis

,Documento Desfazenda

Por Marcio Tito. Desfazenda. Com Ailton Barros, Filipe Celestino, Jhonny Salaberg e Marina Esteves O espetáculo audiovisual DESFAZENDA performou enquanto oportuna afirmação do formato disseminado entre artistas pelo período pandêmico e, agrupando as potências da hora, também enquanto manifesto para o ainda difuso e incerto "pós-período".Ao mesmo tempo e após uma série de apresentações, afirmando… Continue lendo ,Documento Desfazenda

,Militares e Guerra Híbrida no Brasil atual – Com Alexandre Dal Farra

Por Deus Ateu. Projeto Verdade - Tablado de Arruar O atual foco do grupo Tablado de Arruar é a militarização do poder no Brasil. A companhia vai tratar de questões políticas, tanto em cena quanto num ciclo de debates, buscando nomear e apresentar as estratégias contemporâneas utilizadas pelos militares no país. Um dos conceitos que o… Continue lendo ,Militares e Guerra Híbrida no Brasil atual – Com Alexandre Dal Farra

,Documento: Jé Oliveira desmonta Gota D’água Preta

Por Daniela Coutinho Magro. Revisão: Aline Machado. Ícaro Rodrigues, Aysha Nascimento, Dani Nega, Juçara Marçal, Mateus Sousa, Jé Oliveira, Marina Esteves, Rodrigo Mercadante e Salloma Salomão, foto de Evandro Macedo Jé Oliveira é um artista inquieto, inventivo e corajoso. Tinha que ser assim para romper algumas tradições do teatro em São Paulo e no Brasil.… Continue lendo ,Documento: Jé Oliveira desmonta Gota D’água Preta

,O Ofício do Ator! Uma entrevista com Júlio Oliveira

Por Cíntia Duque. Revisão: Aline Machado. Arquivo pessoal Júlio Oliveira, 31 anos, nascido em São Paulo, tem um currículo de tirar o fôlego. Sim, senhoras e senhores, Júlio possui em seu currículo mais de 30 peças de Teatro; na TV esteve em novelas como “Ti Ti Ti”, “Sangue Bom”, 2 temporadas de “Os Dez Mandamentos”… Continue lendo ,O Ofício do Ator! Uma entrevista com Júlio Oliveira

,Forjada na prática antropófoga! – Uma entrevista com Isabela Mariotto

Por Marcio Tito. Um clássico da cultura brasileira digital e não - A Vida de Tina. Por Isabela Mariotto e Julia Burnier Poucos fenômenos culturais foram capazes de transformar a contradição de um país em verdadeira arena de debates. Contudo, nenhum fenômeno desponta sem que exista uma linha verdadeiramente original antes do sucesso. Isabela Mariotto,… Continue lendo ,Forjada na prática antropófoga! – Uma entrevista com Isabela Mariotto

,Documento Race – 3 ou 4 interrogações para Gustavo Paso

Por Marcio Tito. O diretor Gustavo Paso Antes da máscara e dos tantos cuidados sanitários, quando o teatro ainda não nos exigia uma tela diante dos olhos e antes da cena, numas de procurar os produtos teatrais mais diversos possíveis, soube do trabalho de uma companhia carioca que havia experimentado (e ainda experimentava) algumas dramaturgias… Continue lendo ,Documento Race – 3 ou 4 interrogações para Gustavo Paso

,Departamentos Misteriosos – Uma entrevista com Chico Carvalho

Por Marcio Tito. Revisão: Aline Machado. A Grande Orquestra do Mundo (2020) Fora um ou outro dramaturgo ou dramaturga sofrerem análises demasiado cartesianas em cursinhos pré-vestibulares, ou alguma dramaturgia de sucesso internacional tornar-se filme em Hollywood, quase nunca ouvimos falar do teatro (fora do ambiente teatral, fora da comunidade dos artistas de teatro). O assunto… Continue lendo ,Departamentos Misteriosos – Uma entrevista com Chico Carvalho

,Till the last syllable of recorded time – Interview with José Roberto Jardim

Per Marcio Tito. Photo courtesy of the interviewee I look at the keyboard and I feel that something is being announced. It’s that thing that we feel after the jump and before the water. A kind of path of no return and full of butterflies in the limelight of the stomach. José Roberto Jardim said… Continue lendo ,Till the last syllable of recorded time – Interview with José Roberto Jardim

,Com prazer, correr mais riscos – Uma entrevista com Pedro Barreiro

Por Marcio Tito. Pedro Barreiro, artista inquieto e constante. Retrato no Brasil. MT - Pedro, quase sempre escrevo durante a noite, ou em trânsito dentro de um carro, ou em público (como que fugindo daquele espaço-tempo). Contudo, porque escrever é como existir, termino me tornando cada vez mais presente no mundo e é desse símbolo… Continue lendo ,Com prazer, correr mais riscos – Uma entrevista com Pedro Barreiro